top of page

FLEXITARIANISMO

O Flexitarianismo é um estilo alimentar que funde os conceitos de “vegetariano” e "flexível”, e aplica-se a quem privilegie a ingestão de alimentos de origem vegetal mas, ao mesmo tempo, permite a ingestão esporádica de alimentos como carne ou peixe.

Esta flexibilidade é uma das grandes vantagens para quem quer seguir uma alimentação mais consciente, sem ter que abdicar totalmente do consumo de produtos de origem animal. Quem segue o flexitarianismo privilegia também o consumo de vegetais e fruta e tem ainda um especial cuidado com a escolha de alimentos sazonais e de produção local.


Permite ter as vantagens associadas ao vegetarianismo como o maior consumo de frutos e vegetais e o menor impacto ambiental devido ao baixo consumo de produtos de origem animal e, por outro lado, a facilidade nas épocas festivas ou refeições com não vegetarianos por não proibir determinados alimentos.


Num estudo elaborado pela Lantern onde é retratada a realidade vegetariana em Portugal, verifica-se que existem 764.000 adultos veggies (que inclui vegans, vegetarianos e flexitarianos), o que equivale a 9% da população. O estilo que mais tem aumentado é exatamente o dos flexitarianos com cerca de 7,4% da população. E o principal motivo para adotar esta dieta? 74% dos flexitarianos admite que é pela sua saúde.


Faça a alimentação que mais se adequa a si, sendo consciente e não esquecendo o equilíbrio.


Por: Inês Cardoso Martins: Nutricionista do clube de saúde Kalorias Torres Vedras, membro efetivo da Ordem dos Nutricionistas nº2352N.

78 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page